Aquele momento em que você precisa arejar um pouco...

segunda-feira, 12 de setembro de 2011

OLHA A FILA...



Estava ontem na fila do América para almoçar e não paravam de chegar idosos e casais novos com bebês (em carrinhos, dormindo) e todos passavam em nossa frente “por uma questão de prioridades”...

Ora, os bebês dormiam em seus carrinhos, não estavam no colo de uma grávida. Sossegados, nem iam almoçar ali – seus almoços estavam ou no peito da mãe ou na enorme bolsa que carregavam.

No extremo oposto, idosos que passeiam pelo shopping não devem estar tão mal de saúde assim, certo? Aquelas caras de cansaço e dor só faziam na porta do restaurante. Bastava a moça mandar entrar que a fisionomia mudava, entravam sorrindo e saltitantes.
Aposto que alguns deles até corriam a São Silvestre... Mas na porta do restaurante, oh, dor, oh vida...

Eu havia reparado bem, muito bem, na fila e sabia exatamente a ordem de chamada, mas minha vez nunca chegava. Quando a mocinha parecia que ia nos chamar, lá vinha mais um casal com bebê ou crianças e passavam na nossa frente.

A tal mocinha olhava pra nós, parecia que era a hora, mas não, lá vinha uma família quase que carregando uma senhora (que depois de almoçar vi andando saudavelmente pelo shopping, admirando as vitrines). Pô! Parecia que tinham aberto as porteiras do berçário e do asilo ao mesmo tempo!

Acho que vou montar um novo negócio: “aluguel de bebês e idosos” para pessoas que gostariam também de poder desfrutar desse tipo de vantagem em bares, bancos, supermercados.

Ah, um detalhe: não estava usando nada, mas me recupero ainda de uma dolorosa torção no pé. Será que a mocinha teria acreditado em mim? 

Da próxima vez que for ao shopping em horário de pico, vou de RobotFoot...

2 comentários:

Superman disse...

Tem aproveitadores por demais nesse mundo, isso me enoja.

Anônimo disse...

Gosto muito de ler sobre situações do dia a dia descritas por pessoas inteligentes e divertidas.
Você conseguiu me fazer dar boas e sonoras risadas. Obrigada!